loading image

Reumatologia

Reumatologia

Reumatologia
A Reumatologia é uma especialidade médica que se dedica ao estudo, diagnóstico e tratamento de doenças do aparelho locomotor (ossos, músculos e articulações). As reumáticas incluem doenças degenerativas (Osteoartrose), metabólicas (Osteoporose) e inflamatórias (Artrite Reumatóide, Lúpus Eritematoso Sistémico, Artrite Psoriática, Espondilartropatias). Engloba doenças frequentes na população (como a Fibromialgia, a Gota ou tendinites), mas também doenças raras, como a Esclerose Sistémica ou Miosites inflamatórias. Algumas doenças reumáticas afectam também outros órgãos, como a pele, olhos, pulmões, rins, ou coração. A Reumatologia engloba ainda a realização de técnicas, como as infiltrações (de tendões e articulações), aspirações de quistos e bolsas sinoviais, ecografia articular e de partes moles, infiltrações guiadas por ecografia e mesoterapia.

Marcar Consultas

Que doenças e sintomas estão geralmente associadas à Reumatologia?
As dores articulares, que tanto podem afectar as pequenas articulações (mãos e pés), como as grandes articulações (ombros, joelhos, ancas) são sintomas habitualmente associados à Reumatologia. A dor lombar e cervical é também frequentemente encontrada em várias patologias reumáticas.
Uma articulação tumefacta (inchada) é quase uma emergência em Reumatologia, devendo ser prontamente avaliada - pode ser o primeiro indício de uma doença crónica grave ou sinal de uma articulação já muito danificada.
Por outro lado, a presença de alterações cutâneas como eritema facial (cor vermelha da pele), psoríase (pele descamativa), alopécia (queda de cabelo), aftas, úlceras nos dedos, especialmente se associadas a dor ou tumefacção das articulações, devem ser avaliadas por um Reumatologista.

 
Porque é que a população senior pode estar mais vulnerável a problemas associados à Reumatologia?
A Osteoartrose e a Osteoporose são patologias muito comuns na população idosa, pois a sua prevalência aumenta com a idade. O tratamento da Osteoartrose proporciona alívio dos sintomas e uma melhor qualidade aos doentes, além de poder atrasar a progressão da doença. A Osteoporose afectam ambos os sexos e pode ser prevenida e tratada, sendo um factor importante para a saúde do idoso. As fracturas do fémur e de vértebras devidas a um osso osteoporótico são frequentes nesta população e levam não só a incapacidade e dor crónica, mas mesmo a mortalidade aumentada.
Muitas outras patologias reumáticas afectam o idoso, sendo necessária uma avaliação que pondere as particularidades de cada doente: doenças comcomitantes, as suas capacidades e limitações e objectivos individuais.
No entanto, há que referir que certas doenças reumáticas, especialmente as inflamatórias, têm as primeiras manifestações em adultos em idade activa e doentes jovens (mesmo em crianças). Nestes casos é muito importante um diagnóstico atempado, de forma a controlar e mesmo impedir a progressão da doença.


Formas de diagnosticar e prevenir.
As doenças reumáticas são diagnosticadas pela história clínica e exame objectivo durante a consulta. Por vezes são necessários exames complementares de diagnóstico, como por exemplo, análises ao sangue e urina, radiografias e ecografias. Os exames pedidos, se necessários, são adequados a cada caso.
Não existe no momento prevenção eficaz para muitas doenças reumáticas, especialmente as inflamatórias. Não obstante, no caso da Osteoartrose a perda de peso e o exercício físico adequado podem beneficiar o doente. Uma alimentação saúdavel com toma de cálcio e vitamina D em doses adequadas e exercício físico regular são essenciais para prevenir a Osteoporose.